Deixe seus dados que entraremos em contato



BRASÍLIA/DF

SAUS, Quadra 5 | Bloco N | Lote 2 | 10º andar Tel.: +55 (61) 3208-1155

SÃO PAULO/SP

Rua Estados Unidos 367, Jardim Paulista | Tel.: +55 (11) 2050-2410

3 dicas para melhorar seu marketing de conteúdo no LinkedIn

Postado por em , , , ,

Marketing Digital

O LinkedIn pode não ser a maior a maior rede social dos últimos tempos, mas com certeza é a que mais oferece oportunidades para lucrar. Desde que surgiu, em 2002, a rede exerce um trabalho intenso de apoio a seus usuários. O LinkedIn conta com mais de 575 milhões de usuários, dos quais 260 milhões usufruem mensalmente de suas funcionalidades.

A rede permite compartilhar diferentes tipos de conteúdo: artigos, que podem ser postados no perfil ou no LinkedIn Pulse, links para o seu site, slideshows e vídeos. Eles recebem cerca de 9 bilhões de impressões por semana e cerca de 3 milhões de usuários compartilham seus conteúdos semanalmente.

O LinkedIn conduz mais de 50% do tráfego social para sites B2B e, por isso, é considerado como a fonte de conteúdo com mais credibilidade. Portanto, não é surpresa que 98% dos profissionais de marketing de conteúdo o utilizem, especialmente para marketing B2B e geração de leads.

Para aproveitar a plataforma e fazer sua marca ser conhecida e lucrar, é imprescindível explorar três fatores essenciais no LinkedIn. Confira:

Busque agregar valor com seu conteúdo

Tudo o que for publicar em seu perfil do LinkedIn deve ser valioso para a seu público.

Portanto, antes de criar o conteúdo, pense em sua persona, suas dores e necessidades, e descubra como você poderá resolvê-las. Estude o máximo que puder sobre ela e procure gerar um material consistente e coerente com o que você oferece, tentando sempre manter a cadência das suas postagens.

Pesquise e descubra quais são os assuntos mais importantes para seu público. Assim você será capaz de desenvolver uma estratégia de marketing que faça sentido, antes mesmo de criar o seu material.

Não esqueça das hashtags

Você pode estar criando o melhor conteúdo da rede, mas se você não utiliza as hashtags ele não será visto por muitas pessoas. E, é como diz o ditado: quem não é visto não será lembrado.

As hashtags ajudam o usuário a encontrar o seu conteúdo. Você pode utilizá-las para atrair mais visibilidade para a sua marca e, consequentemente, novos clientes. Fique de olho nos termos mais usados no setor do seu empreendimento e aplique-os em suas publicações. Assim, você gerará engajamento com um público qualificado, e ainda demonstrará autoridade sobre o assunto da sua marca.

Aposte em vídeos

Mark Zuckerberg afirmou que o vídeo é a “próxima megatendência da internet”. Você pode confirmar o sucesso de conteúdos audiovisuais em todas as outras redes, como o Facebook, o Instagram, o Twitter e o YouTube.

Há alguns anos, os usuários do LinkedIn só podiam incorporar conteúdo em vídeo de outras fontes. Em 2017, contudo, o LinkedIn possibilitou o upload de vídeos nativos por meio da aplicação móvel. Essa iniciativa promoveu uma visão mais humana do negócio, uma vez que os utilizadores da rede puderam ver um lado mais acessível da marca.

Você também pode utilizar os vídeos em seu perfil para abraçar alguma causa social, por exemplo, e, dessa forma, entreter ou convidar os usuários a uma reflexão sobre um determinado assunto. O importante é que o vídeo traga mais visibilidade para a sua marca e, assim, gere mais resultados e interações.

CONTATOS

Brasília/DF
SAUS, Quadra 5 | Bloco N | Lote 2 | 10.º andar
São Paulo/SP
Rua Estados Unidos 367, Jardim Paulista