Deixe seus dados que entraremos em contato



    BRASÍLIA/DF

    SAUS, Quadra 5 | Bloco N | Lote 2 | 10º andar Tel.: +55 (61) 3208-1155

    SÃO PAULO/SP

    Rua Estados Unidos 367, Jardim Paulista | Tel.: +55 (11) 2050-2410

    5 mudanças no marketing digital com a chegada da LGPD

    Postado por

    Artigos

    Aqui no nosso blog já ressaltamos diversas particularidades da Lei Geral de Proteção de Dados, em vigor há pouco mais de um ano. Vale relembrar que ela foi criada com o objetivo de trazer regras para o tratamento de dados de usuários de internet brasileiros. A nova lei afetou, de forma direta ou indireta, empresas que lidam com esses milhares de dados, como as que trabalham com marketing digital. Continue lendo e entenda o que muda nesse cenário.

    • Estar em conformidade com a LGPD

    Agora, não apenas empresas de marketing digital, mas qualquer uma que queira atuar no mercado online precisa estar em compliance com a Lei Geral de Proteção de Dados. Para isso, existem algumas etapas que ajudam nessa adaptação, como promover uma consultoria jurídica especializada em proteção de dados, elaborando uma avaliação de impacto de proteção de dados. Se necessário, até um analista de proteção de dados pode ser contratado pela empresa.

    • Plataformas que centralizam fluxo de dados

    Algo que pode ajudar nessa transição e adaptação de empresas que estão se alinhando à LGPD é a adoção de plataformas de governança de dados. O fluxo de dados em campanhas de marketing, por exemplo, é muito grande e delicado, por contar com várias informações de contato de marcas, clientes e potenciais clientes, e essas plataformas são capazes de centralizar esse fluxo.

    • Aviso de uso de cookies

    Outra mudança observada, e que se aplica a empresas que trabalham com internet e com coleta de dados de usuários, é a adoção da ferramenta de “aviso de uso de cookies”. Este aviso serve para deixar clara a política de coleta de dados para o usuário e como eles podem ser utilizados, em conformidade com a LGPD.

    • Filtros na base de clientes

    Especificamente, um dos benefícios da LGPD para o marketing digital é que as empresas conseguem estabelecer uma relação de personalização com a sua base de clientes, já que houve autorização do uso dos dados por parte dos usuários. A partir do momento em que pessoas disponibilizam suas informações de forma consciente e voluntária, as campanhas se tornam mais direcionadas e trazem melhores resultados.

    • Campanhas mais assertivas

    Por fim, em consonância com o motivo citado acima, é possível dizer que a aplicação da LGPD também pode ajudar empresas de marketing a construírem campanhas mais assertivas e melhores. A Lei Geral de Proteção de Dados é um enorme avanço, que torna o ambiente virtual mais seguro, e a sua adequação não precisa ser um problema.

    Para mais dicas sobre o universo do marketing digital e para se atualizar sobre temas como este, continue acompanhando o blog da ICom.

    CONTATOS

    Brasília/DF
    SAUS, Quadra 5 | Bloco N | Lote 2 | 10.º andar
    São Paulo/SP
    Rua Estados Unidos 367, Jardim Paulista